Archive for the ‘re-postando’ Category

Lápis feitos com lixo e restos

Já usei lápis feito de jornal e curti bastante apesar da textura e dureza do grafite não ter sido uma das melhores, mas esse lápis feito pela designer recém-graduada Ariane Prim, do Royal College of Art, em Londres, Inglaterra, pode ser legal! Continue lendo

Envelopes da Cosac Naify com sobras de gráfica

No final do ano passado a Cosac Naify lançou uma linha de envelopes de presente feitos a partir de folhas de teste de gráficas. Resultado super simples e bem legal.

Os novos envelopes de presente da Cosac Naify acabam de chegar. Feitos a partir de “lixo gráfico”, os envelopes são estampados com imagens e cores de títulos da casa. Para confeccioná-los, nossas produtoras passaram três meses coletando o que, na indústria gráfica, chamamos de “malas”: papéis descartados que, no processo de impressão, são utilizados para acerto de cores. As folhas são geralmente passadas na máquina mais de uma vez, o que ajuda a estabilizar a carga das cores antes de imprimir por definitivo todo o restante do livro. Por isso nenhum envelope fica igual ao outro. Além de estarem disponíveis no showroom da editora (como parte da compra de livros), também serão enviados aos clientes que comprarem pela Loja virtual, a partir do dia 20 de dezembro.

Via Cosac Naify

Produzir um quilo de papel consome 540 litros de água??

Saiu no site da Super Interessante uma matéria sobre o consumo de água na produção de papel com base nos estudos do Instituto Akatu.

540 litros de água para produzir 1 quilo de papel? É um bom motivo para se pensar em poupar as folhinhas né? Vale a pena lembrar que quanto mais papel é produzido, mais árvores são cortadas, mais água é gasta no processo de produção e mais espaço em lixos e aterros é ocupado.

E como não podia deixar de ser, seguem umas dicas do site da Super adaptadas ao meu ponto de vista.

Continue lendo

O custo da impressão

Todo dia eu vejo muitas folhas saindo da impressora e a maioria não faz muito sentido: email-s que podem ser lidos em tela, planilhas, rascunhos, recados, etc.

O blog Marketing.com.br fez um post bem legal sobre o desperdício de papel nas empresas e sugere algumas soluções para economizar no ambiente de trabalho e em casa. Seguem algumas dicas que pratico no trabalho e outras do post.

  • Configure a sua impressora para utilizar o perfil rascunho nas impressões diárias, assim conseguirá poupar tinta e com menos tinta facilitará a reciclagem das folhas.
  • Ao imprimir textos ou imagens de rascunho em impressoras jatos utilize somente o cartucho de tinta preto, evitando a mistura de cores.
  • Imprimindo páginas da internet selecione a parte desejada e nas opções de impressão marque a opção selecionado. OBS: Os sites mais atuais costumam ter a versão de impressão já embutida no código.
  • Faça um treinamento de conscientização dos funcionários. Ensine-os a ter sempre em mente se impressão é mesmo necessária. Muitos arquivos são impressos apenas para leitura e depois são descartados.
  • Sempre que possível, utilize os modos de impressão de frente e verso da folha. Além da economia de papel, eles reduzem gastos com a compra de pastas e com espaço para armazenamento.
  • Reaproveite as folhas utilizadas de um só lado e faça blocos de anotações.
  • O toner acabou? Retire-o da impressora somente quando estiver com um novo. Isso evita que o canal de tinta seque e exija manutenção.
  • Embora o papel reciclado custe quase o dobro do comum, ele evita o desmatamento de florestas.
  • Incentive os funcionários a guardar arquivos em CDs ou em pen drives em vez de mantê-los em versões impressas.
  • Utilize programas de gerenciamento de impressão que ajudam a controlar o volume de impressões e cópias. A economia pode ser de mais de 30%

Fonte: PEGN
Autora: Ana Cristina Dib

Como escolher o melhor papel para seu impresso

papel-capa.jpg
Existem centenas de tipos de papeis. Pense bem e escolha qual o melhor para você.

Não sou muito de copiar post e prefiro usar o twitter para isso mas achei esse post do pessoal do Ecodesenvolvimento, tão legal que vale a pena sair um pouco das regras. Boa dica para quem quer saber mais sobre o processo de produção de papéis e qual a melhor opção para os trabalho.

Continue lendo