Burn se queimando no carnaval 2010


Mal começou o ano e o energético Burn da Coca-Cola já começa dando um furo. Literalmente!

Ao subir as ladeiras de Olinda, promotoras uniformizadas distribuiam crachás para os foliões marcarem o Placar da Pegação Burn. O mecanismo era simples: pegou alguém, arrancou uma bolinha.  De brinde o folião carregava estampado no peito o “grande” prêmio de “o pegador”. #FAIL! OK, o posicionamento do energético é acender a noitada e ser quente, mas cadê a preocupação com o ambiente? Imagino que não deve ter passado pela cabeça do MKT da Burn qual seria o destino dos crachás.

A peça é feita em papel cartão 300g/m, impresso em CMYK – predominantemente preto – com faca especial, verniz de máquina e uma cordinha de poliéster para você pendurar no pescoço. Em nenhum local eu vi indicação do que fazer com os resíduos (bolinhas arrancadas e crachás usados) e nem nada falando sobre o material da ação em si. A impressão que ficou foi:

Beijo na boca, bolinha no chão
Vamos beijando e arrancando as bolinhas. Não tem onde guardar? Vou ficar carregando no bolso? Joga no chão mesmo. Ou você acha mesmo que o público-alvo iria procurar uma lixeira no meio da multidão para jogar fora as bolinhas arrancadas? Sem falar no crachá, que em poucos minutos estava todo rachado em virtude da gramatura do papel. E se eu peguei mais de 30? Joga fora e pega outro. Suja mais, vai!

Jogue lixo no lixo
Em nenhum momento eu encontrei a indicação com o famoso aviso para jogar no lixo. Selo FSC? Não. Material reciclável? Não. Distribuição interna? Ainda bem que esqueceram pois seria hipocrisia demais. E ainda, será que o pessoal da empresa fez uma coleta do lixo pelas ladeiras de Olinda após a festa? Acho que não.

Carnaval + calor + Brasil = pegação generalizada?
Bom, faltou um pouco de contextualização geográfica, afinal o carnaval em Olinda não é o carnaval-pegação de Salvador. Rola beijo na boca? Sim, em vários lugares mas o povo quer mais é farrear. Fiquei ligado se a ação estava funcionando mas invés disso o que vi foi muitos deles pelo chão e pouca gente correndo atrás de pegar geral.

Soluções para o crachá
Festas de rua com aglomeração de pessoas são um prato cheio para mãos leves e uma solução mais inteligente seria fazer um crachá de plástico como um ziploc mas mais resistente e à prova d´água,  onde o pessoal pudesse guardar o dinheiro, camisinhas e chaves de casa em um local mais seguro. Digo isso pois costumo usar doleiras internas para curtir o carnaval sem ficar me preocupando se vou perder alguma coisa. Essa seria uma opção para aumentar a vida útil da ação e prolongar a divulgação em outros eventos e situações como praia, baladas e micaretas.

O resultado final foi uma campanha machista, vazia e poluente que dizia: pegue no mínimo mais de 30 pessoas diferentes, se exponha ao risco de contrair herpes ou mononucleose,  e vamos contribuir em sujar a cidade sem educar as pessoas em nenhum momento.

É isso aí, o Burn se queimando no carnaval 2010

Anúncios

3 responses to this post.

  1. é… não foi uma campanha muito legal, falta de um profissional na área… as vezes as agências ou empresas apenas pensam no projeto e esquecem alguns parâmetros… como a área ambiental…

    Eu sou mais o que um amigo fazia… colocava váaaaaaaarias sementes de feijão no bolso e ía trocando de bolso ahhhaha

    Vai ver até germinou algum.. ahuha

    bjus

    Responder

  2. Posted by Claudia on 16/09/2010 at 20:16

    Oi… gostei da sua idéia pra resolver o problema!… boa sacada. os caras da Burn deviam te contratar viu!!! rsrs
    Mas é isso que acontece mesmo … existe sim uma “pegação” e tem gente apostando nisso pra verder!

    bjuxx boa sorte!

    Responder

    • Claudia, Legal que tenha curtido a crítica mas é nesses momentos que vemos a galera poluir e nem perceber, afinal, é carnaval, etc etc etc. Bj.

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: